Rua de Santo António

  A Rua de Santo António é uma das artérias principais da Freguesia de Santo António e data já de meados do século XIX, tendo o seu nome sido publicado no Boletim do Governo de Macau a 26 de Julho de 1869. Foi uma das primeiras ruas baptizadas pelo governo colonial de Macau.
  A Igreja de Santo António, um templo católico dos três mais antigos de Macau, situa-se no Largo de Santo António na extremidade norte da via e, sendo inscrito em 2005 na Lista do  Centro Histórico de Macau, é hoje um dos locais considerado Património Mundial. A igreja é dedicada a S. António, o padroeiro dos casamentos. A comunidade chinesa costumava referir-se a esta igreja como “templo florido” ou “igreja florida”, pois estava frequentemente engalanada com grinaldas, devido aos casamentos que aí se celebravam.

Rua de Santo António